sexta-feira, 30 de abril de 2010

Mensagem da Internet

...oOo...
Com a devida vénia
28 Abril 2010 - 00h30
Viagens em causa

Petição para demitir Inês de Medeiros

Mais de três mil pessoas já assinaram uma petição a exigir a demissão da deputada socialista Inês de Medeiros. Em causa está o pagamento das suas viagens para Paris, onde reside, apesar de ter sido eleita para a Assembleia da República pelo círculo de Lisboa.
"É imoral que uma senhora como a deputada Inês de Medeiros, que certamente não passará as mesmas dificuldades financeiras que muitos portugueses, queira esbanjar dinheiro pago pelos [muitos] impostos dos contribuintes nas suas viagens pessoais a Paris", pode-se ler no texto da petição colocada no site: http://www.petitiononline.com/ que ontem à tarde contava com 3162 assinaturas.
Os subscritores da petição exigem assim a demissão da deputada do PS. "Estamos cansados de deputados/as que se tomam por privilegiados acima dos sacrifícios a que condenam o País", concluem.

4 comentários:

Anónimo disse...

Notícia acabadinha de ser publicada no «SOL»
...
Publicado esta semana, o despacho final de Jaime Gama refere que a decisão de pagamento das viagens a Inês de Medeiros – eleita por Lisboa, mas residente na capital francesa – será «revogada» se a AR decidir alterar o actual enquadramento legal.

Num claro desafio aos partidos, o presidente do Parlamento até especifica os contornos de uma possível alteração. Evocando uma mudança que, «com excepção dos deputados eleitos pelos círculos da emigração e aí residentes, vincule o exercício de funções em órgãos de soberania à obrigatoriedade de residência efectiva ou fixação de residência efectiva em território nacional».

susete.francisco@sol.pt

Anónimo disse...

E continuando...
...
O CDS quer alterar a lei para impedir que a AR pague viagens a deputados que vivam fora do país.

Anónimo disse...

Amigo Leiria
Ontem á noite a Senhora Deputada deu uma entrevista á T.V.I.24, que me comoveu bastante, disse ela entre outras coisas que só foi convidada para Deputada em cima da hora, e que não podia em pouco tempo agarrar nas suas criancinhas e trazê-las para Portugal, e que os Portugueses são uns mal agradecidos que não dão valor a uma figura coma a dela, que veio trazer muito valor á Assembleia, pois esta estava muito necessitada dumas carinhas larócas para animar as hostes (esta ultima parte é minha)
Um abraço
Virgilio Miranda

Artur/Leiria disse...

Amigos;
Isto prova que o povo ainda tem algum poder, muitas coisas que achamos não estarem dentro de parâmetros lógicos, deveriam da mesma forma serem “chalenged”. Está mais do que provado que o caso desta senhora não estava em conformidade com a aprovação da maioria dos cidadãos portugueses! Ainda bem que algo se vai movimentando a nível da AR… o que é bom, para o bem comum de todos os portugueses.
Um abraço!