sexta-feira, 22 de junho de 2012

Boa de verdade!

Um rapaz de 16 anos chega em casa com um Porshe e os pais gritam:
-Onde conseguiu isto? 
Ele calmamente responde: 
-Acabei de comprar.
- Com que dinheiro? Perguntam. Sabemos quanto custa um Porsche! 
- Bem, ele disse, este custou 15 dólares. 
E os pais esbravejaram ainda mais: 
- Quem venderia um carro destes por 15dólares??? 
- A senhora logo acima na rua. Não sei seu nome, recém mudou-se para cá... Ela me viu passando de bicicleta e perguntou se queria comprar o Porsche por 15 dólares.
- Santo Deus! Gemeu a mãe, deve abusar de crianças. Quem sabe o que fará depois? John, vá lá imediatamente, para ver o que está acontecendo.
O pai foi até à casa da senhora e ela calmamente plantava petúnias no jardim.
Ele se apresentou como pai do rapaz a quem ela vendeu o Porsche e perguntou por que ela havia feito aquilo.
- Bem, disse ela, pensei que meu marido estivesse viajando a serviço, mas descobri que ele fugiu para o Havaí com a secretária e não pretende voltar... 
Esta manhã ele me ligou e pediu que vendesse o Porsche e lhe enviasse o dinheiro...

...Então eu vendi. 

(As mulheres são ou não são maravilhosas?!)

7 comentários:

António Querido disse...

Atrás d´um homem fraco, está sempre uma grande MULHER!
O meu abraço

TINTINAINE disse...

Pena não ter sido eu a passar lá naquela hora!
E eu que gosto tanto dos Porshes!!!

Artur Sousa disse...

Sempre ouvi dizer que atrás dum homem grande está sempre uma grande 'MULHER'...(!) mas tu inverteste os termos; Homem Querido.
Viva!
Um abração

Artur Sousa disse...

Quanto ao comandante 'Tintas' não tem maus gostos, não!

Sonha, sonha meu menino...
Que eu disso estou cansado
Se algo te calhar; ‘bambino’
Passa para cá um bocado.

Para isso são preciso os frutos
Que os políticos nos vão sacando
Insaciáveis com os seus furtos
Só migalhas nos vão deixando

Mas haja saude e coza o forno...!

Tintinaine disse...

Os sonhos são talvez a única coisa que em Portugal não paga imposto.
Aí os políticos não conseguem chegar!

edumanes disse...

Mulher obediente
Ao marido obedeceu
Não sendo exigente
Por 15 dólares o porshe vendeu!

Não se trata de ser fraca ou forte
Nem de ser grande mulher
Com o negócio o rapaz teve sorte
Logo a mãe teve que meter a colher!

Bom domingo para ti, amigo Artur,
um abraço
Eduardo.

Observador disse...

Também não me importava de o ter comprado por aquele preço, mas tenho a impressão que o despachava logo que encontrasse comprador, aquilo é como um burro a beber água, e para o preço que o pitrol está, não ganhava para o sustentar.
Um abraço
Virgilio