quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Divórcio por causa de 99 cêntimos

Um agricultor de Montemor, muito rico, casou-se com uma mulher muito pobre da Vidigueira.
Como era um homem generoso, ofereceu casa, carro e emprego a todos os familiares da mulher.
E todos ficaram muito felizes: pai, mãe e irmão.
Certo dia, a mulher veio à Vidigueira visitar a família e confessou-lhes:
- Náguento mais o mê marido! Acho que me vou divorciar...
O pai, cheio de pena de perder um tão belo genro, advertiu:
- Calma, minha filha, ele é um bom home, ama-te, respeta-te... Vê lá o que vais fazeri, nã te precipites...
- Mas mê pai, eu náguento mais... nã me posso baxar pra apanhar nada, que lá vem eli e... pimba! Ufff! Quando me casê, o mê rabinho pracia uma moeda d'um cêntimo, agora, parece uma moeda d'um Êro!
- Atão, e ó filha... vais tu arranjar problemas por causa de 99 cêntimos?!

4 comentários:

TINTINAINE disse...

Olá Leiria!
Isto quer dizer que já estás de regresso a casa?

Artur Sousa disse...

Nem mais, homem sapiente.
Depois de um dia bem passado na cidade berco, vai o nosso casebre aconchegando-nos...

Abraco.

António Querido disse...

Bem vindo a Alvados!
O meu abraço

Valdemar Ribeiro Alves disse...

Sim senhor... mereceu a pena esperar porque esta anedota passou fácilmente "o quality control"... Hihihi!